Blogroll

Image and video hosting by TinyPic

Locais da Terra Média



O Shire: O Shire foi dividido em quatro partes a que chamaram Os Farthings: o Farthing Setentrional (norte), o Farthing Meridional (sul), o Farthing Ocidental (oeste) e o Farthing Oriental (leste). Além dos Farthings, haviam também as Marcas Oriental e Ocidental. Depois da colonialização pelas terras que se seguiam à Ponte dos Arcos de Pedra, os Hobbits do Oriente alastraram-se até chegarem ao Farthing Ocidental. Uma extensão de quarenta léguas das Colinas Distantes á Ponte de Brandywine e de cinquenta léguas urzais do lado até aos Pântanos do Sul. Os Hobbits chamaram a essa terra O Shire.

                     

 Hobbiton: É uma pequena aldeia pacata, localizada no Shire, onde Frodo vivia com o seu tio, Bilbo. Era em volta da Grande Árvore, que se realizam todas as grandes festas de Hobbiton. Lá nunca faltava a alegria dos Hobbits, as suas cantigas, danças, comida e bebidas.

 

Bag End (Fundo do Saco): Era o nome da casa de Bilbo e Frodo Baggins. Estava situada na Travessa do Saco Furado, em Hobbiton, no Frathing Ocidental. O jardim de Bag End estava ao cuidado de Samwise Gamgee, fiel amigo e companheiro de Frodo.

                 

Green Dragon: Era o local de diversão dos Hobbits. Localizado em Hobbiton, era onde Frodo, Merry, Sam e Pippin, passavam os serões conversando, cantarolando, dançando e bebendo. O amor de Sam, Rosie Cotton, trabalhava lá como barmaid (empregada de balcão).



Farmer Maggot's Field (As terras do agricultor Maggot): Quando Frodo e Sam já estão em viagem, e aconselhados por Gandalf a não viajarem pela estrada, os dois amigos, resolveram passar pelas terras deste lavrador, aí encontraram Merry e Pippin.


Bucklebury Ferry: Aqui passa o Rio Brandywine (Brandevinho). Merry levou os amigos até este Ferry, para fugirem aos Nazgûl.

Bree: É uma localidade nas fronteiras do Shire. Os seus habitantes estavam misturados entre duas raças, Hobbits e Homens. Em Bree Sam, Merry, Frodo e Pippin, ficaram alojados na estalagem de Prancing Pony (Guerrano Empinado), onde conheceram Strider (Aragorn). 

 

Weathertop (Cume do Tempo): Aragorn conduz os quatro Hobbits, pelos montes de Weathertop. Nos primeiros tempos do Reino do Norte, construiu-se neste local uma grande torre de vigia, á qual chamaram Amon Sûl. Foi mais tarde incendiada e destruída. Outrora bela e alta, agora dela nada restava a não ser um círculo irregular em ruínas. Foi neste local, que Frodo foi ferido pela lâmina Morgul Blade.

Troll Camp (Campo de Trolls): Depois de Frodo ter sido ferido por um Nazgûl, o grupo decidiu descansar no Campo de Trolls, em rocha. Foram estes os três Trolls que capturaram Bilbo, os treze Anões e Gandalf, na sua viagem até á Montanha Solitária. No filme é aqui que Arwen (uma elfo), encontra Aragorn e os Hobbits.

Ford of Bruinen: Arwen leva Frodo a cavalo até Rivendell. Ela consegue atravessar a margem do rio Ford of Bruinen, onde são perseguidos por Nazgûl. Arwen invoca o rio e este sobe em forma de cavalos brancos, e os Espectros do Anel acabam por ser levados por uma enxurrada.

Rivendell: É o refugio dos Elfos, onde vivia o elfo superior Elrond. Foi neste local que se realizou o Concelho de Elrond e onde se formou a Irmandade do Anel, constituída pelos quatro Hobbits, por Aragorn, Gandalf, Boromir, Legolas e Gimli. A sua principal tarefa era proteger Frodo dos inimigos, seguindo-o até Mordor, onde teria que destruir o Anel. Em Rivendell existe uma sala com vários quadros que mostram Sauron ser eliminado por Isildur, também é aí que se encontra a lendária espada Narsil, a espada que pertence ao Rei de Gondor, que cortou os dedos de Sauron. A estátua que segurava a espada é uma imagem de Gilraen, mãe de Aragorn. 


 Pass of Caradhrdas (Desfiladeiro de Caradhras): A Irmandade deslocou-se para sul de Rivendell. Decidem ir pelo Desfiladeiro de Caradhras, mas nem assim conseguem despistar Saruman e a Irmandade volta a enfrentar inúmeras dificuldades. 


Moria: As Minas de Moria, foram construídas durante anos debaixo da terra junto ás montanhas pelos Anões. O Portão de Hallin é a entrada a Oeste, por onde passaram os nove companheiros. Na antiga cidade de Dwarrowdelf em Moria, os nove amigos correram num esforço para poderem alcançar a Ponte de Khazad-Dûm, não só para fugirem aos Orcs mas também para saírem o mais rapidamente de Moria. No Túmulo de Balin, Gandalf encontrou um diário, que conta como foram os últimos dias de vida do primo de Gimli. Aqui foram atacados por Orcs e um Troll das Cavernas.  Na Ponte de Khazad-Dûm em Moria, Gandalf luta com um Balrog, uma criatura antiga e humanamente impossível de matar. Gandalf consegue derrotar o inimigo, mas o chicote do Balrog prende-se na perna do Feiticeiro e este cai da ponte. Dimrill Dale está localizada à saída de Moria a Este das Montanhas Nebulosas. Aqui os oito membros da Irmandade choraram a perda de Gandalf.

Lothlórien: É o refugio dos Elfos da Floresta. Em Caras Galadon, Lothlórien, viviam a Dama Galadriel, a Rainha dos Elfos e Lord Celeborn, seu marido. Aqui a Irmandade encontrou finalmente descanso depois da longa e atribulada viagem. Dias depois, partiram pelo Silverlode River (Rio Cinzento), que desagua no Rio Anduin. Galadriel deu a cada um dos membros da Irmandade um presente, incluindo barcos e comida. A Frodo, Galadriel ofereceu a Luz de Eârendil.

Rio Anduin: Também conhecido por Great River (Grande Rio). A nascente situa-se a Norte das Montanhas Cinzentas e desagua para sul entre as Montanhas Nebulosas e Mirkwood. O Rio segue depois para Gondor e Ithilíen. As Argonath, duas gigantes estátuas que representam dois Reis de Gondor, dão as boas vindas aos viajantes, aquando da sua entrada no território de Gondor, encontram-se neste rio. 

 

Amon Hen: É um local antigo, localizado a oeste do Grande Rio. Foi neste local que Boromir tentou tirar o Anel a Frodo e onde são atacados por um exercito de Orcs. Foi ali perto que Boromir morreu, quando protegia os Hobbits dos Orcs e dos Uruk-Hai, mais tarde Aragorn pôs o seu corpo no barco que Galadriel lhes oferecera, e o corpo de Boromir é levado pela corrente do mar. Também foi perto dali em Galden Fields, que há muitos anos atrás, Isildur foi atacado numa emboscada de Orcs, e deixou cair o Anel no mar. 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...